Brasileiro surpreende os médicos e sai de estado vegetativo


A recuperação do brasileiro Osvaldo Lopes de Oliveira, 54, de Danbury, Connecticut, está sendo considerada um verdadeiro milagre.

Ele passou alguns dias no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital de Danbury, em estado vegetativo, devido a um problema cardíaco. Os médicos disseram que ele ficaria com seqüelas, mas o brasileiro está surpreendendo a todos, com sua recuperação.De acordo com Elane Souza Lopes, 51, esposa de Osvaldo, o maior problema foi a falta de oxigenação no cérebro. “Em meados de abril ele foi levado para a emergência, porque o coração parou”, contou Elane.

Segundo os médicos, ele teria que colocar um desfibrilador (aparelho para regular os movimentos das aurículas), podendo voltar para casa dentro de poucas horas. Exames realizados também não acusaram entupimento das artérias.

Mesmo assim, Osvaldo entrou em coma, e a luta de Elane começou. Realistas, os médicos disseram que ele nunca mais seria o mesmo, pois estava com danos cerebrais, por conta da falta de oxigenação sofrida inicialmente. “Me agarrei em Deus, que poderia levá-lo ou deixá-lo viver”. Iniciou-se então uma maratona de orações, e com ela, a recuperação de Osvaldo.

Recuperação supreendente

Cerca de uma semana depois, o brasileiro começou a acordar aos poucos. “Ele fazia alguns movimentos para mim”, relatou a esposa, acrescentando que ele ainda estava ligado ao respirador e outros aparelhos, que monitoravam os órgãos vitais. “O médico disse que ele talvez não comesse ou penteasse mais o cabelo sozinho”.

No início de maio Osvaldo foi para o quarto. Já caminha com a ajuda de um andador. “E penteia o cabelo sozinho”. Além disso, o brasileiro consegue ler, escrever e fazer contas de matemática. “Ele não tem delírios, só às vezes confunde nomes e fatos”.

O poder da oração

A recuperação de Osvaldo surpreendeu o neurologista, os outros médicos e enfermeiros. Mas para Elane, Deus é a explicação para tudo. “O importante é a atuação do poder de Deus em nossa vida”. Ela destacou o apoio incondicional recebido da comunidade brasileira que freqüenta a Igreja Batista Walnut Hill, de Bethel. “Pastores de várias igrejas de Danbury também têm ido ao hospital orar por ele”.

A brasileira confidenciou que o único objetivo da entrevista era exaltar o nome de Deus. Elane trabalha como housecleaner, mas atualmente está com um problema sério na coluna, portanto impedida de trabalhar. “Orei e coloquei tudo na mão de Deus, que me deu até doações para viver”, contou Elane, demonstrando toda sua fé.

Apoio da família e exaltação a Deus

Enquanto isto, Osvaldo segue se recuperando a cada dia. Além dos amigos, Elane tem o apoio da filha Ayla Lynne de Moraes, 18, que mora nos Estados Unidos, e do filho Allyan Lang Lopes, que está no Brasil, tentando o visto para poder apoiar os pais de mais perto.

Osvaldo ainda sofrerá uma cirurgia para colocar o desfibrilador. Na semana passada ele passou a ingerir alimentos sólidos. Para Elane, o resultado positivo de toda a história se resume a uma só frase: “O trabalho e o poder de Deus foi o que salvou meu marido”.

Fonte: Comunidade News  

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: